CREA-SC mantém atividades de fiscalização

Em 2019, segundo o relatório a fiscalização, o CREA-SC percorreu 645.594 km em 295 municípios do Estado

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Santa Catarina (CREA-SC) montou um protocolo de segurança sanitária para manter em funcionamento as atividades de fiscalização. Os horários foram reduzidos e os agentes em grupos de risco afastados.

Entre os principais alvos da fiscalização, estão licitações de obras públicas e controles específicos em elevadores, caldeiras, vasos de pressão etc.   

Em 2020 devido à pandemia, os números tiveram uma queda nos meses de paralisação, mas começaram a normalizar com a retomada das atividades em diversos setores, sobretudo a construção civil e áreas afins.  

Em 2019, segundo o relatório a fiscalização, o CREA-SC percorreu 645.594 km em 295 municípios do Estado, realizando um total de 45.185 fiscalizações. Destas 41.815 foram proativas, 2.163 denúncias e 1.207 foram pedidos de diligências.  

As atividades envolveram 11.168 profissionais e 4.907 empresas registradas. Também foram fiscalizados 34.726 proprietários incluindo leigos e profissionais. Das 3.224 denúncias recebidas, foram tratadas e regularizadas 2.970 e gerados ainda 1.321 autos de infração.

Imagens

EDITORIAS

14322344777940.png

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina